Editorial: Focalizar no negócio…

ed_junho14“O maior problema no mundo dos negócios hoje é que a maioria das pessoas está tão ocupada com a variedade de coisas que fica sem tempo para dominar uma só coisa.”
Henry Ford

Dito no início do século passado, dificilmente uma frase podia ser tão atual para os tempos de hoje. Henry Ford, fundador da “Ford Motor Company”, é um dos melhores exemplos de um self-made man. Ficou na história como inventor talentoso e brilhante gerente industrial, cuja atividade foi uma das mais rentáveis e bem-sucedida no seu tempo.

Indiferente se é um gerente de uma PME ou um gestor de uma grande empresa, as questões do foco (i) e da gestão do tempo (ii) colocam-se a todos. Dada a pertinência destes temas, decidi dedicar o editorial de junho sobre o primeiro, e o de julho sobre o segundo. No âmbito da internacionalização de empresas portuguesas, a CCISP recebe frequentemente pedidos de empresas portuguesas que oferecem um grande leque de serviços, como por exemplo distribuir – a nível mundial – produtos de cinco setores económicos completamente diferentes. Nunca vi um projeto desses ter sucesso. Quem faz tudo, não faz nada! Mais vale ter uma estratégia contrária: Ter a fama de ser o melhor para um determinado produto ou serviço.

Quanto mais delimitada for a área em que se especializa, mais provável e rapidamente a empresa será o número um. Os suíços gostam da ideia de trabalhar com alguém que é O MESTRE da sua área, mesmo que a mesma seja pequena. É quem consegue transmitir esta imagem que terá mais probabilidade de sucesso na sua internacionalização.
O tempo da crise levou algumas empresas a procurar novos negócios em novas áreas. A ideia é diversificar para reduzir os riscos: “Se uma área de negócio não esta a dar frutos, aposto noutra.” É certo que crise obriga a ter novas ideias e mais abertura. Mas quando se decide entrar numa nova área de negócio, devia-se, a meu ver, para além de comprovar bem a sua mestria, criar uma nova marca, sob pena de diluir, e assim desvalorizar, a imagem da primeira que se criou ao longo de muitos anos. Conheço muitas empresas que fizeram este erro.Afinal qual é a coisa certa a fazer: Diversificar ou Especializar? Penso que uma boa fórmula é a de focalizar no negócio e diversificar nos investimentos. Já Steve Jobs disse: “Focus and Simplicity – that has been one of my mantras.”

Gregor Zemp
Secretário Geral

Próximos Eventos